Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2016

A escrita na pós-graduação

Tenhamos consciência de como o autor de uma tese ou dissertação escreve, as estratégias cognitivas usadas, as técnicas e recursos em jogo e que aspectos devem ser observados para se produzir e revisar um bom texto.
Pesquisa sobre a escrita de pós-graduação Têm sido feitas várias pesquisas sobre a escrita na pós-graduação, principalmente nestas primeiras décadas do século XXI. Algumas questões abordadas são: a análise dos conteúdos da pós-graduação; dificuldades formais e bloqueios de escrita; percepções dos processos de ensino da escrita; a produção e qualificação de publicações; gêneros como resumos, resenhas ou sumários da pesquisa; a revisão linguística do texto científico; dialogia e ideologia. A escrita acadêmica se tornou tema de investigação com interesse internacional, essa área de pesquisa é considerada um campo em crescimento, com vinculações pragmáticas diretas; no entanto, a pesquisa metalinguística sobre o gênero de textos universitários ainda é incipiente e seus resulta…

Estudando a revisão de textos acadêmicos

Os artigos científicos, as dissertações e as teses pertencem ao gênero acadêmico. A revisão desses textos tem sido objeto de estudos específicos que incluem a forma pela qual eles são produzidos.  Abordagem cognitiva da revisão de textos Nos últimos anos, a revisão de textos científicos tem atraído o interesse crescente da pesquisa acadêmica. Estudos experimentais recentes focados na revisão de textos científicos abordam o processo de produção do texto englobando a revisão como uma das fases do processo redacional, essas investigações abordam a redação acadêmica como processo e, portanto, também observável em suas fases constituintes. Têm sido feitas pesquisas qualitativas bem como sido empregados diferentes métodos e instrumentos quantitativos aplicáveis à produção e às diversas etapas da revisão dos textos universitários. Entre os métodos e ferramentas empregados para aos estudos da revisão de textos se incluem pensar os protocolos da operação (think-aloud protocols –observação de …

Revisor de textos: curiosidades e cortes

Uma coletânea impagável de definições de revisor de textos. Coisa antiga, mas sempre divertida. O Ciclo de Vida dos Revisores. Ao fim e ao cabo, quase que se pode dizer que revisar um texto seja fazer cortes! Revisor é como o goleiro de futebol: pode acertar quase todas, mas é execrado quando falha.O prazer do revisor é comparado ao do oleiro, modela o texto até ficar perfeito. Bonito de se ver e/ou de se ler.Resposta à Stalone Cobra: “é um serviço sujo, mas alguém tem que fazê-lo. tenho culpa se gosto do cheiro de sangue?”Um mago. Quem sabe, um gurú [sic] das palavras, ou mesmo gurú [sic] ortografico [sic]?Um chato, um neurótico compulsivo.O revisor é um cara pago pra ser chato.O revisor é aquele que vem para fazer a limpeza geral e nem sempre é notado. Porém, quando notado, é para ouvir a pergunta:”Quem Mexeu no Meu Texto”?Revisor é uma pessoa que deve achar erro de todo mundo, mas não pode encontrar um cochilo seu só lá na terceira prova. Terá que ouvir o inevitável Pô, agora que v…

Revisor de textos no jornal, nas traduções e nos artigos

A revisão de textos é necessária a todo tipo de trabalho escrito. Aqui vamos chamar atenção para três tipos específicos de textos, a tradução, os artigos científicos e o texto jornalístico, todos carecem de revisões, cada qual por motivos específicos. Com o fim da função do revisor, passou-se a analisar o jornal após sua publicação. Essa “revisão tardia” acabou por prejudicar os leitores, que não só encontram erros que poderiam ter sido evitados, mas que podem, muitas vezes, tomá-los como certos. A partir dos anos 1980, a imprensa adotou a rentabilidade como objetivo central. A informatização das redações foi, ao mesmo tempo, resultado da nova demanda social e a forma mais eficiente encontrada pelas empresas jornalísticas para diminuir seus gastos. Os jornalistas que restaram tiveram de adotar uma nova postura e desempenhar papéis que antes eram encargos de outros profissionais. Deles passaram a ser exigidas aptidões características dessa nova sociedade. (Dejavite & Martins)
Pode…