Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2014

Revisão de textos em contexto

Contexto é essencial na revisão de textos. Mas um dos problemas do revisor de textos é que o autor fica descontextualizado quanto à revisão. O que é visto e revisado no texto, além dos elementos básicos e do contexto?Há muitas coisas a serem consideradas, o contexto e a orto-sintaxe, postos como integrantes das fases iniciais do processo de revisão; o profissional – o revisor de textos – poderá em seguida considerar fatores como o equilíbrio das informações, a lógica argumentativa em cada tópico, que pode ser do mais genérico ao particular ou ao contrário, pode haver argumentos dedutivos ou indutivos, se há paralelismo ou gradação nas ideias, se há omissões relevantes entre dados e argumentos, se existe homogeneidade na apresentação de dados, se há amarração entre todos os pontos levantados e as conclusões obtidas. Claro que o autor faz isso, e todos os demais envolvidos na redação também – mas aqui estamos falando de revisar, repetir os processos de verificação com método, isenção e…

Capas e folhas de rosto dos trabalhos acadêmicos

Há grande interesse dos visitantes de nosso blog por capa e folha de rosto dos trabalhos acadêmicos. Não que seja nada complicado atender às normas sobre o assunto, mas sempre há dúvidas. Aqui selecionamos uma pequena amostra de capas e folhas de rosto de trabalhos universitários que revisamos recentemente, postamos para servir de exemplo do que pode ser feito dentro das muitas regras que há. Lembramos que os orientadores quase sempre mencionam a ABNT, mas muitas vezes o que eles querem não é exatamente que se siga aquela norma. Procure observar se existe uma norma específica em sua instituição sobre esse assunto, pois o que observamos é que há muitas variações, em várias instituições, segundo as interpretações que se faz. Já que muitos dos acessos a este blog têm sido feitos em busca de imagens de capas de trabalhos acadêmicos e informações sobre sua elaboração, somos levados a crer que o assunto gera mais dificuldade e interesse que suporíamos; por isso, vamos colocar algumas co…

Aspectos da revisão de textos acadêmicos

Alguns aspectos nunca são explicados em excesso: Como é a revisão do texto acadêmico? O que vai ser modificado? Como é o acompanhamento pelo autor? O prazo será suficiente? No texto relativo a um projeto acadêmico, quer seja um artigo científico ou a resenha de um livro, até as últimas teses da hierarquia acadêmica, as de concurso para professor titular ou livre-docência, o revisor interfere preferencialmente quando o texto todo está concluído, isso lhe dá mais flexibilidade em seu trabalho, otimiza o tempo e agrega qualidade pela uniformidade de critérios e pela compreensão da macroestrutura textual. É necessário que o texto já esteja aprovado pelo orientador, quando houver, para que não haja conflitos de versões entre os arquivos trabalhados pelo revisor e aqueles que transitam entre autor e orientador. O revisor vai interferir usando o recurso Controle Alterações do Word, o que permitirá ao autor manter total ciência das alterações que forem feitas e interagir com a equipe de revi…

Dicas de redação e edição de texto científico

A edição é uma das etapas da redação, ela se inicia assim que você terminar seu primeiro rascunho. Na edição, você relê o seu projeto para ver, por exemplo, se está bem organizado, se as transições entre parágrafos são fluentes e se sua evidência realmente corresponde ao argumento e à hipótese. Editar um texto, nesse sentido, significa reescrever, reordenar, inserir mais informação, cortar partes. Você pode editar em vários níveis: Conteúdo Você fez tudo o que o gênero do texto (tese, artigo...) requer? As exigências foram todas cumpridas? A hipótese e o argumento estão claros? A argumentação está completa? Todas suas afirmações são consistentes? Cada ponto da argumentação está apoiado com evidência adequada? Todas as informações apresentadas são relevantes o texto? Estrutura geral Seu texto tem introdução e conclusão adequadas? Sua tese é claramente apresentada na introdução? Fica claro como cada parágrafo no texto está relacionado à tese? Os parágrafos são arranjados em sequência l…

Perguntas frequentes sobre revisão de textos

O que é revisão de texto? Depois do texto foi concluído pelo autor ou autores, é hora de ele ser editorado – e pouquíssimos são os casos em que se pode pular algumas etapas da editoração; pode ser necessário um designer gráfico para criar a composição, um diagramador para compor os textos e os elementos gráficos e um ou mais revisores e preparadores do texto. O trabalho é então exibido na tela do computador ou impresso, depois vem a prova – a prova de que ele está pronto para publicação – e as provas: várias impressões até a aprovação. Também pode ser necessário um revisor de provas (para a prova de impressão). Um revisor de textos (preparador ou revisor de provas – conforme o caso) procura consistência linguística e material no uso, apresentação e precisão no texto (palavras e frases), imagens e layout, mas não pode ser responsável pela obra do autor ou pelos papeis do editor de texto ou do orientador, quando se trata de uma dissertação ou tese. Os limites da interferência do reviso…

Principais estilos de citações bibliográficas e referências

Os estilos de citações são muitos, cada revista científica, cada programa de pós-graduação decide qual estilo vai adotar, como fazer as citações.Primeiramente, vale informar que "estilos científicos" não são estilos "literárias", mas a edição de estilos, ou seja, modos de apresentação de conteúdo estruturados, formas de escrever artigos científicos, apresentação, organização de conteúdo, formas fazer abreviações, anexos e fotos presentes nos textos e, além disso, formas de citações bibliográficas e de referências. Por isso as formas de citações dependem de cada estilo científico.
Para trabalhar com estilos de citações, é melhor usar um gerenciador de bibliografias como Refworks, Zotero, EndNote, Reference Manager, BibText e outros similares. Mesmo o Word que todo mundo tem faz esse serviço. O que impressiona muito é que a quase totalidade dos autores brasileiros não faz uso de nenhum desses programas e nem sequer sabe que o próprio editor de textos mais comum faz o …

Revisão linguística: bem mais que correção

O que vem a ser a revisão linguística? É o mesmo que a revisão de português? Minha tese precisa de revisão linguística? Revisão linguística modifica o texto? A linguagem, tanto oral quanto na escrita, produz textos com contornos diferentes por causa das exigências dos contextos de produção e diferentes situações comunicativas. Refletir sobre a linguagem e trabalhar com ela é, necessariamente, debruçar-se sobre as características dos textos em função do gênero a que se filiam e compreender de que maneira eles cristalizam as práticas sociais da linguagem. A revisão linguística é, portanto, muito mais do que aplicar a gramática. As reflexões produzidas pelos gramáticos se detêm na frase e não no texto. Pelas características dos gêneros e dos suportes, os textos podem variar em extensão. Pode ser um cartaz, ou estender-se nos sucessivos capítulos de uma tese, dissertação ou romance. Ao colocar o texto em foco, o revisor considera diversos aspectos: o contexto de produção do discurso, o g…

Lugar-comum, vício comum

O que são os lugares-comuns? Por que devem ser evitados? É claro que eu não quero esses expressões empobrecendo minha tese. Expressões pobres são dispensáveis em textos, principalmente devem ser evitadas no texto acadêmico: antes de mais nada, ao mesmo tempo, pelo contrário, por sua vez, por outro lado, via de regra, com direito a, até porque. O revisor de textos vai caçar sem piedade os lugares-comuns. São dispensados também modismos ou chavões que vulgarizam a escrita e a fala.

Houaiss: LUGAR-COMUM substantivo masculino 1 Retórica: Fonte geral de onde os oradores podem tirar argumentos e provas para qualquer assunto 2 Teologia: Conjunto de fontes hierarquicamente ordenadas e criticadas das quais se servem os teólogos para fundamentar os argumentos da doutrina católica 3 Derivação: Por extensão de sentido: ideia, frase, dito, sem originalidade; banalidade, chavão; 3.1 o que é do conhecimento de todos; coisa trivial. Evite-se: a todo vapor; a toque de caixa; abrir/fechar com chave de o…

Estrangeirismos e redação acadêmica

O que é estrangeirismo? Qual a implicância que se têm com eles? Pode-se ou deve-se usar estrangeirismos em teses e dissertações?Estrangeirismo ou peregrinismo é o uso de palavra, expressão ou construção estrangeira que não tenha equivalente vernácula em nossa língua. É apontada nas gramáticas normativas como um vício de linguagem, mas há muito esta é apontada como uma visão simplista por diversos linguistas, como Marcos Bagno, da UnB, John Robert Schmitz, da UNICAMP e Carlos Alberto Faraco, da UFPR.  (Wikipédia)
“Talvez seja conseqüência de um conjunto de fatores o que leva os brasileiros a imaginar como místicas e esotéricas as palavras ordinárias usadas no inglês para dar nomes às coisas. Nesse conjunto, constato a presença do deslumbramento pelos falantes de inglês, da ignorância da língua portuguesa, da ignorância da língua inglesa, da ignorância da cultura estrangeira, da ignorância de etimologia e da ignorância de semântica. Juntam-se todas essas ignorâncias e, sem precisar bat…

Artigo científico: revisão e submissão

Algumas considerações sobre a estrutura do artigo científico e sobre a forma pela qual o revisor de textos colabora em sua finalização de modo a ampliar a probabilidade de sua aceitação para publicação.A linguagem e expressão do artigo científico deve considerar a situação comunicativa requerida pelo gênero acadêmico e pela espécie de texto de extensão mediana. Deve-se levar em conta, também, o universo discursivo da ciência, em que ora os pares comunicam entre si aquilo que descobrem nos seus percursos investigativos, ora sejam textos de divulgação científica, destinados a apresentar o conhecimento a pessoas de outras áreas, em que outras anotações e mais dados são relevantes. Por fim, e principalmente, considere-se que o artigo científico visa ser aceito por uma publicação, ou ele perde sua função.
A estrutura frasal do artigo científico requer sempre simplicidade, objetividade e clareza – o que se poderia dizer de qualquer texto em que as considerações estéticas sejam secundárias ou…

Revisão de textos acadêmicos e literários: tipologia

Muitos serviços diferentes são chamados de revisão de textos. Quem contrata a revisão de uma tese, por exemplo, deve ter noção disso ao negociar o trabalho. Não há uma tipologia definida para revisão de textos ou uma taxonomia estabelecida de forma muito definida e uniforme para as ações que compreendem essa atividade. Ao revisar textos, não nos restringimos nunca aos aspectos formais e linguísticos. Para melhorar o trabalho, mesmo que nem sempre se domine as áreas técnicas deles, procuramos sugerir alterações objetivas e explícitas. Se depois estas alterações são mantidas, será decisão do autor. Ele, melhor que ninguém, sabe o que diz.
Todavia, pode-se falar de alguns tipos de revisão: Editorial: procura verificar situações estruturais, como notas de rodapé, referências, translineação, bem como proceder a algumas adaptações de linguagem;Linguística: em que aspectos formais e comunicacionais do texto prevalece;Literária, em que se procura aferir o rigor dos conteúdos. É neste tipo de …

Revisão de textos perfeita

O revisor que prometer ao cliente que sua tese ou dissertação vai ficar perfeita está mentindo! Prezado cliente, ficamos muito felizes em saber que você veio a nós procurando a revisão de textos perfeita. Infelizmente, somos forçados a confessar que isso não existe. Não existe texto perfeito e não existe revisor de textos que faça nada perfeito. O texto é um produto humano, cheio de imperfeições, como seu produtor – o autor – que reconhece suas imperfeições e recorre ao revisor de textos para saná-las. Mas ocorre que o revisor de textos também é humano e o máximo que ele pode fazer, e faz, é diminuir as imperfeições do texto que recebeu do autor. Se você pensava que o texto estará perfeito ao ser devolvido pelo revisor, vamos desfazer agora este engano. Existem muitos motivos pelos quais a perfeição não pode ser e nunca é alcançada num texto. Existe toda uma teoria sobre a origem dos erros, mas não será ela que vamos explicar agora. O que vamos expor são alguns dos motivos pelos quais…