28 de agosto de 2014

Terminando sua tese de doutorado: dicas de gente experiente

Você está tentando concluir uma tese de doutorado em tempo para o prazo de poucos meses? Partilhamos alguns conselhos de quem superando esse obstáculo final.

1) Verifique se você atende aos requisitos de doutoramento de sua instituição

"Alunos de doutoramento e seus orientadores frequentemente presumem coisas
Muita gente já fez doutorado antes; siga as sugestões de que já passou por isso.
Aproveitar as experiências
dos outros é sempre útil.
sem verificar. Um orientador disse a seu aluno que a tese deve ter cerca de 300 páginas, no máximo, então ele escreveu 300 páginas. Infelizmente, o orientador tinha pensado em espaço duplo e o aluno tinha escrito em espaço simples. Livrar-se de 40.000 palavras extras com duas semanas não é recomendado." (Hannah Farrimond, professora de Sociologia Médica, Universidade de Exeter)

2) Mantenha a perspectiva

"Todos querem sua tese incrível, sua magnum opus. Mas seu trabalho mais importante virá mais tarde. Pense em seu doutorado como um aprendizado. Seus pares são improváveis leitores da tese e não vão julgar você nela. Eles são mais propensos a ler documentos (artigos, capítulos, livros) resultantes." (Dean D'Souza, PhD em neurociência cognitiva, Birkbeck, Universidade de Londres)

3) Escreva a introdução por último

"Escrever a introdução e a conclusão juntos ajudará a amarrar a tese, então guarde-se para o fim." (Ashish Jaiswal, PhD em Educação Empresarial, Universidade de Oxford)

4) Use apps

"Trello é uma ferramenta de gestão de projeto (disponível como um aplicativo de smartphone) que permite que você crie 'placas' de todas as suas tarefas pendentes, os prazos e ideias. Ele permite que você faça listas de verificação também, então você sabe que todas as suas coisas importantes estão listadas e à mão, ou seja, você pode se concentrar em uma coisa de cada vez. É gratificante mover as notas para a coluna 'feito'." (Lucy Irving, PhD em Psicologia, Universidade de Middlesex)

5) Aborde as questões sem resposta

"Sempre haverá perguntas sem resposta – não tente ignorar ou, pior ainda, escondê-los. Ao contrário, ativamente chamar a atenção para eles; identificá-los em sua conclusão como áreas para investigação futura. Seu doutorado vai mal se tentou ignorar ou contornar os problemas não resolvidos que sua tese inevitavelmente abriu." (Michael Perfect, PhD em Literatura Inglesa, Universidade de Cambridge)

6) Compre sua própria impressora laser

"Uma impressora a laser monocromática básica que pode imprimir dois lados pode ser comprada barato, com toners de substituição e tudo mais. Tem duas funções muito úteis. Em primeiro lugar, é preciso ler seu trabalho fora da tela e em papel, que é geralmente mais fácil. Em segundo lugar, dá-lhe uma desculpa legítima para ficar longe de sua mesa." (James Brown, PhD em Educação Arquitetônica, Universidade de Belfast da Rainha).

7) Checar tudo é importante

"Em dias em que seu cérebro está demasiado cansado para escrever, faça seleção de citações, bibliografia e essas checagens; então, você ainda está fazendo progresso." (Julia Wright, professora de inglês na Universidade de Dalhousie, Canadá)

8) Obtenha feedback sobre a tese inteira

"Nós, frequentemente, obtemos feedback sobre os capítulos mas a ideia é obter feedback de seu orientador como um todo para certificar-se de que tudo se encaixa muito bem." (Mel Rohse, PhD em Estudos de Paz, Universidade de Bradford)

9) Certifique-se que você sabe quando vai acabar

"Às vezes os orientadores usam palavras otimistas como 'Você está quase lá!' Peça-lhes para ser mais específico. É daqui a três meses, ou você tem meses seis de trabalho? Ou é só trabalho para um mês?" (Rifat Mahbub, PhD em Estudos de Mulheres, Universidade de York)

10) Prepare-se para a defesa

"Não se concentre apenas na tese – a defesa também é muito importante e as opiniões dos examinadores podem mudar após uma defesa bem sucedid. Lembre-se que você é o perito em seu campo específico, não os examinadores. Peça ao orientador para organizar um simulação da defesa se for possível." (Christine Jones, chefe de estudos Escola de Galês e Bilíngue, Universidade de Gales Trinity St David)

11) Desenvolva seu próprio estilo

"Leve em conta tudo o orientador disser, atenda às sugestões sobre revisões para seu trabalho, mas também seja fiel a seu próprio estilo de escrita. Pode parecer que seu estilo não tem nada a ver com o próprio campo de investigação, mas isto não importa." (Sarah Skyrme, doutorado em Sociologia da Universidade de Newcastle)

12) Lembre-se que mais não é sempre melhor

"Uma tese de doutorado não é uma corrida para a maior contagem de página. Não desperdice tempo." (Francis Woodhouse, PhD em Biologia Matemática, Universidade de Cambridge)

13) Tenha um amigo

"Encontre um colega, seu parceiro, um amigo disposto a te apoiar. Compartilhar com eles suas metas e objetivos e aceite ser responsável por eles. Isto não significa que eles vão te incomodar ou importunar, significa apenas que alguém sabe o que está fazendo e pode te ajudar a verificar se seu planejamento é realista e exequível." (Cassandra Steer, PhD em Criminologia, Universidade de Amesterdã)

14) Não seja perfeccionista

"Lembre-se que uma tese não tem de ser uma obra-prima. Nada mais auto-incapacitante que perfeccionismo." (Nathan Waddell, lente de Literatura Modernista, Universidade de Nottingham)

15) Cuide-se

"Saia. Trabalha fora se você puder. Sol, árvores e ar fresco fazem maravilhas para o que resta da sua sanidade." (Helen Coverdale, PhD em Direito, LSE)