Visite-nos no Google+

7 de março de 2013

Revisão de textos: o preço e o custo

Revisão de textos tem custo elevado, mas preço é sempre relativo

Muitas vezes, clientes pensam que nosso orçamento para revisão de seus textos é caro; bem, nosso preço deve estar mesmo entre os mais elevados dos que são praticados para revisões acadêmicas, mas preço elevado não significa necessariamente que um serviço é caro: o caro pode ter vários significados.

Veja algumas considerações do que seja caro:

Venha revisar e formatar sua dissertação conosco.
Revisão de textos tem custo elevado, mas
sempre existe o barato que sai caro.
Primeiro, o caro pode significar que o valor apresentado por nós está acima das possibilidades ou capacidade financeira do cliente. Então, o serviço está caro para determinada pessoa. O caro é relativo. Caro para quem? Os clientes diferem também por suas capacidades de consumo de acordo, seu poder aquisitivo. Por exemplo: em geral, não revisamos TCCs, pois os alunos de graduação não costumam ter capacidade econômica para arcar com o custo de nosso serviço, mas atendemos, sempre, a todos os pedidos de orçamento pois o fato de ser um graduando, por si, não exclui a capacidade pagadora do cliente, ele pode ser um profissional e estar concluindo a segunda ou terceira graduação ou ser financiado pelos pais. Então reflita se o nosso serviço está realmente caro ou se a dificuldade pode ser sanada com um parcelamento, por exemplo.
Depois, podemos provar para qualquer eventual cliente que nosso serviço tem custo elevado, mas que ele vale mais! Cobramos mais que a maioria por diversos motivos, se você se dispuser a gastar alguns minutos conhecendo este blog reconhecerá os diferenciais. O preço praticado reflete a qualidade do serviço e o reconhecimento que já nos foi atribuído pela clientela. Pode ocorrer que o cliente apenas queira negociar. Ele quer nos contratar, mas quer negociar. Todos querem fazer um bom negócio e costumam pechinchar. Nós preferimos oferecer mais vantagens que descontos. Desconto vicia, desvaloriza o orçamento e o profissional, atrai outros clientes que querem desconto e depõe contra o prestador do serviço. Concedemos algumas vantagens e o cliente fica satisfeito e sai feliz por ter feito um melhor negócio. Quais seriam as vantagens? Parcelamento, outra leitura incluída, manutenção do preço durante determinado período, revisão de emendas requeridas por banca – há inúmeras possibilidades.
Mas há o cliente que chega e diz que o revisor Fulano de Tal faz por tantos reais mais barato por lauda e que tem o trabalho parecido? Não é comum, mas acontece. Bem, vivemos em regime de livre concorrência, ainda. Revisão de texto é serviço personalíssimo, isso significa que nenhum revisor trabalha exatamente como outro, que cada um tem seus critérios e apresenta resultados de um modo. Uns dialogam mais com os autores, outros menos. Uns interferem mais no texto, outros interferem o mínimo necessário. Cabe a cada autor encontrar o revisor que atenda melhor a seus anseios, às necessidade de seu texto. Nós procuramos identificar a preferência do autor, estamos sempre atentos à finalidade do texto e procuramos estabelecer o melhor e mais amplo diálogo possível com o autor – e isso tem um custo. Se o que nós oferecemos não é do interesse de determinado cliente, então ele está certo: nosso serviço é caro. Mas se o que se busca é a melhor interação possível, estaremos prontos a atender. Que cada um tenha o cuidado de escolher a melhor equipe de revisão, de acordo com sua necessidade, e estabeleça com aquele time uma longa e proveitosa parceria.